Logo Sinmed

Artigos

19/05/14

Ai Se “ Sêsse” Assim !

Por Francisco Fábio de Araujo

  Se um dia nós se gostasse
Se um dia nós se queresse
Se nós dois se impariasse
Se juntinho nós dois morasse
Se juntinho nós dois morresse
Se pro céu nos assubisse
E a minha faca eu Puxasse
E o bucho do Céu furasse
Talvez que nós dois Ficasse
Talvez que nós dois caísse
E o Céu furado arriasse
E as virgens do Céu fugisse
(Ai se Sêsse- poeta Zé da Luz)
 

 

Ai Se “ Sêsse” Assim !
Estamos no mês de maio, mês da abolição da escravidão, mês dedicado à Maria de Nazaré. Esse é especial por fechar a longa espera pela copa do mundo em nosso país. Somos até capaz de sentir no ar o "cheiro" do prazer (se é que sentimento tem odor) que emana dos corações de alguns de tão realizados que estão. Andando pelas ruas e repartições onde trabalho, vejo que não é bem assim, que nós rio-grandense do Norte estamos na verdade com aquela "cara de quem comeu e não gostou”, Por que não estamos felizes e eufóricos com a proximidade desse evento? Já que é Algo tão inusitado para um país que já é pentacampeão? Certamente esse advento da copa em nosso país será interpretado aqui e na mídia internacional como um premio para um país berço de grandes craques, ou será que comentarão quão estruturado está o nosso Brasil? Sim, até porque o nosso ensino público é excelente e está entre os trinta melhores do planeta, os alunos contemplados com ele (nosso modelo de ensino ) estão aptos à ingressarem em qualquer boa universidade do pais ou do exterior. Para exacerbar mais ainda o nosso bairrismo, salientemos a boa infra estrutura que dispomos na segurança oferecida pelo estado, outra fonte de orgulho nosso. Qualquer estrangeiro que aqui aportar nessa copa pensará que ainda nem saiu do seu pais de Origem , por se sentir tão confiante e à vontade para transitar livremente pelas ruas e praias de nossa cidade, ante a certeza que de não ser importunado por ninguém . No entanto, o grande diferencial em termos de serviços públicos aqui do nosso país (nossa, como cidade do Natal está bem nesse pré requisito) é a assistência a saúde com que o estado brasileiro honra a sua população. É de se admirá como um país como o nosso apesar dos parcos recursos( pois é, a gente quase não paga impostos aqui) poder oferecer um modelo de saúde pública tão eficiente e resolutivo , já bastante parecido com a medicina socializada que encontramos em países como França e Canadá , onde todas as faixas etárias(criança, adulto jovem e idosos) da vida estão bem assistidas , é tanto que plano privado de saúde aqui nunca decolou, existem pouquíssimos( se o publico funciona, o privado não tem vez, claro) para uma pequena e seleta faixa de pessoas. E os nossos políticos (salvo algumas exceções) tão abnegados e conscientes, apesar dos baixos salários que percebem, São honestos e trabalhadores. Por todas essas razoes exportas, nada mais justo fazermos esforços e investirmos pesado (como estar acontecendo) na realização desse sonho que acalentamos ha tanto tempo. O Brasil, o povo merece esse regalo. Ai, ai, ai, “Ai se fosse verdade todo esse meu devaneio mesclado de ironia descrito acima, mas bem que poderia ser, bem que nós brasileiros merecemos Tudo isso e muito mais”

Francisco Fábio de Araújo Batista. Médico e diretor do SINMED-RN
 

 

PROBEM
Rua Apodi, 244 - Centro | Natal RN
Fone: 84 3222 0028 / 84 9911 0506
sinmed@sinmedrn.org.br